Lockout da NBA.

1 jul

Ok, quase 27 minutos de video é sacanagem. Vou tentar resumir e traduzir: Trancaram a NBA.

Pra começar, li um esclarecimento muito bem colocado por Rodrigo Alves no Rebote Blog:

Lockout não é greve, na verdade é o oposto disso. Se na greve os trabalhadores decidem parar de trabalhar, no locaute são os patrões que impedem os trabalhadores de trabalhar. Desde meia-noite de quinta para sexta, os atletas da NBA estão proibidos de fazer qualquer contato com os times: jogar, treinar, usar as instalações, negociar com passe livre, nada. Contratos suspensos, zero de vínculo, e é por isso que o site oficial não pode ter fotos, notícias, estatísticas, nada que faça referência aos jogadores.

Isso não significa que não vai haver temporada 2011/12, mas é bem provável que ela atrase.

Enfim, os proprietários das franquias querem deixar de pagar uma grana que os jogadores não estão dispostos a não receber.

“A diferença entre o que eles pedem e o que podemos pagar é assustadoramente grande”. David Stern, comissário geral da NBA.

“Criou-se um sistema que trouxe grandes perdas financeiras para nossas franquias. Precisamos de um modelo de negócio sustentável, que permita que todos os 30 times estejam aptos a ganhar o campeonato, pagar bem seus jogadores e, se bem gerenciado, ser algo bem lucrativo.”

Antes de botar pra fuder os jogadores e dizer que muitos profissionais no Brasil jogam por um salário mínimo e que você, bem provavelmente, jogaria de graça (sei que é verdade!). Ou parafrasear Zeca Pagodinho,  “Na vida a coisa mais feia é gente que vive chorando de barriga cheia”.  Assista este video dos caras do The Basketball Jones, com uma suposta batalha de campanha entre David Stern, comissário da NBA, e Billy Hunter, cabeça da união dos jogadores. Só pra ter outra perspectiva sobre o assunto.

Ligeira tradução:

“Jogadores da NBA. Eles nos inspiram, nos divertem e nos lembram que sempre podemos alcançar mais alto. Os jogadores da NBA podem deixar uma cidade inteira orgulhosa ou mudar a vida de uma criança. Neste verão, com o lockout, lembre-se: Nós somos os bons moços. Deixem a gente jogar.  – Eu sou Billy Hunter, cabeça da associação dos jogadores da NBA e aprovo esta mensagem.”

“Billy Hunter e os jogadores da NBA dizem que querem jogar. Mas quanto isso vai custar? Por muito tempo os milionários, mimados, jogadores da NBA aumentam os custos da liga enquanto as franquias continuam perdendo dinheiro. Neste Lockout da NBA, fique do lado dos donos das franquias. Fique do lado da responsabilidade.- Eu sou o comissário da NBA, David Stern e aprovo esta mensagem.”

“O comissário da NBA, David Stern, diz que os donos das franquias estão perdendo dinheiro. Mas como isso é possível? Quando o público vai aos ginásios e a audiência de TV só aumenta? Alguns times talvez estejam sofrendo, mas este problema pode ser resolvido com a divisão de lucros. Sou Billy Hunter e aprovo esta mensagem.”

“Billy Hunter diz que quer explorar a divisão de lucros. Soa familiar? (comunista) Fique do lado dos donos das franquias. Nós não somos comunistas. – Sou David Stern e aprovo esta mensagem.”

“Antes de tudo, não sou comunista. Eu não tenho nada pra esconder. Foi David Stern que disse durante o All Star Weekend, que sabe onde os corpos estão escondidos. Quantas pessoas David Stern matou? Quantas mais pessoas vão morrer? Deixem-nos jogar. E o mais importante, deixem-nos VIVER. – Sou Billy Hunter, não sou comunista, e aprovo esta mensagem.”

“Billy Hunter, advogado, presidente da união, comunista que odeia liberdade. Sei onde você mora, sei onde você trabalha, sei como chegar perto de você. Eu sou seu pesadelo. Quer F#*%& com agente, Billy? – Sou David Stern e aprovo esta mensagem.”

“Para um cara de mais de 60 anos, David Stern, está muito bem fisicamente. Sei porque ele está me perseguindo. – Sou Billy Hunter e aprovo esta mensagem.”

“Sou comissário da NBA por 25 anos, seu idiota. Quer F(#% comigo? Você está morto. – Sou David Stern e aprovo esta mensagem.”

“Ajuda, ajuda. Estou preso no porta-malas de um Corolla. Aqui é muito fedido. – Sou Billy Hunter e aprovo esta mensagem.”

“Como comissário da NBA, sempre foi completamente transparente nas minhas entrevistas. Na última terça-feira eu estava na cama. Minha mulher pode confirmar isso. Não, não sei onde está Billy Hunter. Acredito que saiu de férias e esqueceu de avisar. – Sou David Stern, tenho álibi, e aprovo esta mensagem. “

Anúncios

2 Respostas to “Lockout da NBA.”

  1. Tonhão julho 1, 2011 às 2:08 pm #

    Muito legal esse post. Um formato diferente, mas que é absolutamente adequado!

  2. Ivan Costa julho 1, 2011 às 2:59 pm #

    Kraaaa , eu jogaria de graça COM TODA CERTEZAA !

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: